RD Online
Segunda, 29 de Novembro de 2021
23°

Poucas nuvens

Redentora - RS

Geral Condenados

Filhos da ex-deputada Flordelis são condenados pela morte do pastor Anderson do Carmo

24/11/2021 às 09h26
Por: Depto de Jornalismo . Fonte: O Sul
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Dois dos filhos da ex-deputada Flordelis foram condenados nesta quarta-feira (24) por envolvimento na morte do pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019.

Flávio dos Santos Rodrigues, acusado de atirar no padrasto, foi condenado a 33 anos e dois meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, porte ilegal de arma, uso de documento ilegal e associação criminosa armada.

Já Lucas Cézar dos Santos Souza, apontado por comprar a arma do crime, foi condenado a sete anos e meio. Foram 15 horas de julgamento. A sessão começou na tarde desta terça-feira (23), e a sentença foi proferida por volta das 5h45 desta quarta-feira. Na noite desta terça-feira, Lucas afirmou que Flávio queria acabar com o sofrimento da mãe.

Segundo Lucas, Flávio teria contado sobre seu desejo de acabar com o sofrimento da mãe numa conversa cerca de um mês antes do assassinato. Na ocasião, Flávio também teria dito que Flordelis estaria sofrendo por causa de “trâmites” de Anderson em Brasília.

Lucas é apontado pelas investigações como a pessoa que ajudou Flávio a comprar a arma do crime. Contudo, ele afirmou que não sabia que a pistola Bersa 9 milímetros seria usada para matar o pastor.

Flávio, filho biológico de Flordelis, foi denunciado pelo Ministério Público como o autor dos tiros que causaram a morte de Anderson do Carmo, no dia 16 de junho de 2019. Além de responder por homicídio triplamente qualificado, ele será julgado também por porte de arma de fogo de uso restrito.

Lucas Cézar, que é filho adotivo da ex-deputada, além de responder pelo homicídio, é acusado como responsável por adquirir a arma usada no assassinato. Anderson, ex-marido de Flordelis, foi assassinado a tiros em 2019. A ex-parlamentar é acusada de ser a mandante do crime.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias