RD Online
Segunda, 29 de Novembro de 2021
25°

Poucas nuvens

Redentora - RS

Especiais PASSO FUNDO

Passo Fundo: MPRS destina 32 celulares para que estudantes da rede pública acessem aulas remotas - RD Foco

.

23/10/2021 às 11h39 Atualizada em 23/10/2021 às 12h08
Por: Depto de Jornalismo Fonte: MP-RS
Compartilhe:
Fotos: Divulgação/MP-RS
Fotos: Divulgação/MP-RS

O Ministério Público em Passo Fundo entregou, na tarde desta sexta-feira, 22 de outubro, 32 celulares apreendidos no contexto de criminalidade e restaurados pela Universidade de Passo Fundo (UPF) à Secretaria Municipal de Educação. A solenidade ocorreu na Escola Municipal Coronel Sebastião Rocha, instituição contemplada com a doação dos aparelhos.

A iniciativa faz parte do Projeto Alquimia II, do MPRS, que, em Passo Fundo, é coordenada pelo promotor de Justiça Julio Francisco Ballardin. A ação destina smartphones a estudantes da rede pública que não têm recursos para acompanhar as aulas no ensino remoto – modelo implementado pelo Estado durante a pandemia.

No dia 17 de agosto deste ano, o MP em Passo Fundo assinou um termo de cooperação com a UPF, criando mais uma parceria entre universidades e o Projeto Alquimia II. A cooperação permite expansão do projeto e, consequentemente, faz com que mais estudantes da rede pública possam ser beneficiados. A parceria também visa, futuramente, ampliar o projeto para outras comarcas, que também poderão destinar os aparelhos para a universidade efetuar a reparação.

Além disso, a entrega marca o início da segunda fase do projeto no município, que contará com apoio da comunidade na doação dos aparelhos. A ideia é a criação de postos de coleta na sede do MP e na UPF, além dos postos de coleta já existentes, criados no âmbito do Criança Conectada, na sede da Secretaria, localizada na Rua Dr. João Freitas, 75, Bairro Petrópolis, e outro no Prisma – Espaço Geek, na Rua Minas Gerais, 555, no Centro.

‘’O projeto Alquimia II em Passo Fundo tem um alcance muito grande pelo fato da cidade ter um presídio regional, o que resulta em um número alto de apreensão de aparelhos. Por isso, também, é de extrema importância essa conexão entre a prefeitura, comunidade e o MP para realizar a arrecadação de eletrônicos que são descartados pela população e podem ser reutilizados pelos estudantes’’, afirma o Ballardin.

Na solenidade, além do promotor Ballardin, estiveram presentes o vice-prefeito de Passo Fundo, João Pedro Nunes, o secretário municipal de Educação, Adriano Canabarro Teixeira, o titular da 6ª Delegacia de Polícia Civil Regional, Adroaldo Schenkel, o titular da DPPA, Gilberto Dumke, o diretor do Centro de Ensino Médio Integrado UPF, Jonir Dalbosco, a diretora da EMEF Coronel Sebastião Rocha, Marcia Scorsatto, a reitora da Fundação Universidade de Passo Fundo, Bernardete Maria Dalmolin, o coordenador do curso técnico em Eletrotécnica da UPF, José Augusto Canton, e Bia Makki Weinert e Camila Rodrigues Costa, assessoras da Preduc Passo Fundo. O evento contou com todos os protocolos sanitários de combate à Covid-19.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias