RD Online
Clean Lar
Farmácia Santa Inês Rede Associadas
Via Tec telecom
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
Physical Life Stúdio de Musculação
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
Agroredenção
Vital Seg Serviços de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional
Cervejaria da Praça
Casa Nova de Redentora
JP Celulares Redentora
Banner Site
C-TEC REDENTORA
UNOPAR INFE
Anúncio Rádio RD Online
UNOPAR VESTIBULAR
Mecânica e Auto Elétrica Pampa
Laboratório Santo Antônio Análises Clínicas de Coronel Bicaco
Cotricampo
Mânica Contabilidade
Lemarco
RD ANÚNCIO G
Santos Monitoramento

VÍDEO: Estudante faz vídeo da própria vacinação e flagra não aplicação da dose em SC

24/08/2021 10h01
Por: Depto de Jornalismo .
Fonte: Com informações do G1
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um jovem de 19 anos que filmou a própria vacinação contra a Covid-19 flagrou o momento em que a aplicadora não injeta o imunizante em seu braço, na última sexta-feira, dia 20, em Lages. 

Segundo o estudante de direito, Mateus do Amaral, a vacina só foi aplicada corretamente após ele ver as imagens e confrontar a profissional da saúde (assista ao final do texto).

No sábado, dia 21, a prefeitura da cidade divulgou uma nota afirmando que a servidora foi afastada. Um processo administrativo aberto pelo órgão nesta segunda-feira, dia 23, vai investigar o caso. Até esta manhã ela não havia sido ouvida.

É possível ouvir que na primeira tentativa a servidora afirma que o jovem estava vacinado, mesmo o imunizante não tendo sido injetado. Na segunda ocasião, ela se desculpa e afirma que foi "sem querer".

De acordo com o estudante, ele e um amigo que o acompanhava foram até a delegacia para registrar um boletim de ocorrência após o incidente. Contudo, ele foi informado que como a vacina chegou a ser aplicada "não havia razão para registrar a queixa". O jovem publicou as imagens em uma rede social lamentando o ocorrido. Mateus registrou um boletim de ocorrência posteriormente pela internet.

Segundo a Polícia Civil, ainda não houve a formalização de um procedimento para dar início a uma investigação sobre o caso.

"Primeiramente, estamos aguardando um posicionamento da Secretaria Municipal da Saúde de Lages para ver o que aconteceu e havendo a comprovação de conduta criminosa o procedimento policial poderá ser iniciado", informou o delegado Regional de Lages Fabiano Schmitt.

A prefeitura informou ainda, por meio de nota, que orienta para que as pessoas verifiquem a seringa antes e após a aplicação da vacina.

Veja o vídeo:

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.