RD Online
Mecânica e Auto Elétrica Pampa
UNOPAR VESTIBULAR
UNOPAR INFE
RD ANÚNCIO G
Lemarco
Cotricampo
Banner Site
Farmácia Santa Inês Rede Associadas
Via Tec telecom
Cervejaria da Praça
Physical Life Stúdio de Musculação
Laboratório Santo Antônio Análises Clínicas de Coronel Bicaco
Clean Lar
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
Casa Nova de Redentora
Anúncio Rádio RD Online
Vital Seg Serviços de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
C-TEC REDENTORA
JP Celulares Redentora
Santos Monitoramento
INCÊNDIO SSP

Equipe de cães do CBMSC atua em apoio a buscas por bombeiros desaparecidos após incêndio na SSP - RD Foco

CBMRS já empregava outros quatro binômios (dupla homem e cão) e, com o auxílio, amplia a frente de trabalho

20/07/2021 18h58
Por: Depto de Jornalismo
Fonte: Ascom CBMSC e SSP-RS/Carlos Ismael Moreira/SSP-RS
A dupla de bombeiros militares e cães de guarda chegaram hoje em Porto Alegre - Foto: Rodrigo Ziebell/GVG
A dupla de bombeiros militares e cães de guarda chegaram hoje em Porto Alegre - Foto: Rodrigo Ziebell/GVG

Nesta terça-feira (20), dois binômios, dupla entre bombeiro militar e cão de busca, do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) chegaram em Porto Alegre para apoio ao CBMRS na busca pelos bombeiros militares desaparecidos após o incêndio e colapso na estrutura da Secretaria da Segurança Pública (SSP) do RS, ocorrido na última quarta-feira (14/7).

"Solicitamos dois binômios do CBMSC para ampliar as frentes de trabalho nas buscas pelos dois bombeiros desaparecidos, juntamente com os quatro binômios já empregados pelo CBMRS. Será de grande ajuda para cobrirmos com maior agilidade e rastrearmos a área", afirmou o tenente-coronel Eduardo Estevam Rodrigues, comandante do 1° Batalhão de Bombeiro Militar de Porto Alegre e coordenador da operação de busca e resgate no terreno da SSP.

Conforme o coronel César Eduardo Bonfanti, comandante-geral do CBMRS, esse tipo de apoio mútuo entre os Corpos de Bombeiros é muito comum. "Todos os Estados já se colocaram a disposição, da mesma forma que, sempre que solicitados, também estamos prontos a ajudar, o que já ocorreu em diversas situações como a ocorrência de enchente em Itajaí, barragem de Brumadinho, entre outras", afirma o coronel Bonfanti.

“O CBMSC é uma corporação que está sempre disponível para auxiliar quem quer que precise de nós. Nesta situação, envolvendo nossos irmãos de farda, não seria diferente. Os binômios enviados ao Rio Grande do Sul possuem vasta experiência de operação em campo e atuarão incansavelmente na busca pelos guerreiros desaparecidos. Além das ações de busca, seguiremos à disposição para o que mais for necessário”, afirmou o comandante-geral do CBMSC, coronel Charles Alexandre Vieira.

O cabo Ronaldo Fumagalli e cão Hunter, do CBMSC em Curitibanos, além do soldado Luciano Rangel e o cão Orion, de Lages, estão atuando na busca pelos desaparecidos desde o final desta manhã, em meio aos escombros. Os dois militares e o cão Hunter também participaram da ação de apoio ao Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), após o rompimento da barragem de Brumadinho.

“Nossos binômios possuem experiência e treinam constantemente para a atuação, ou seja, eles estão sempre prontos, o que facilita nestes suportes aos outros Estados”, explica o presidente da coordenadoria de busca, resgate e salvamento com cães, tenente-coronel Walter Parizotto.

Pelo CBMRS, já estão em atuação desde o dia seguinte ao incêndio os binômios formados pelo sargento Alexandre Furtado Silveira e cadela Guria, o sargento Alex Sandro Brum e o cão Guapo, soldado Éderson Gomes e o cão General, e soldado Estefânio Guinazu Bernardes com a cadela Molly.

 

Ascom CBMSC e SSP-RS/Carlos Ismael Moreira/SSP-RS

  • Equipe de cães do CBMSC atua em apoio a buscas por bombeiros desaparecidos após incêndio na SSP - RD Foco
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.