RD Online
Via Tec telecom
Anúncio Rádio RD Online
Santos Monitoramento
RD ANÚNCIO G
Lemarco
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
Farmácia Santa Inês Rede Associadas
C-TEC REDENTORA
Banner Site
Vital Seg Serviços de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional
Cotricampo
Zé Automóveis Multimarcas
Estofaria e Vidraçaria Fanezzi
UNOPAR VESTIBULAR
Casa Nova de Redentora
Cervejaria da Praça
Laboratório Santo Antônio Análises Clínicas de Coronel Bicaco
Barbearia e Lancheria Stein
JP Celulares Redentora
UNOPAR INFE
Mecânica e Auto Elétrica Pampa
Auto Posto Gemelli

Mais de 40 pessoas são presas em operação contra tráfico de drogas em Santa Maria

11/06/2021 15h10
Por: Depto de Jornalismo .
Fonte: G1 RS
Fotos: Divulgação/PC
Fotos: Divulgação/PC

A Polícia Civil faz, nesta sexta-feira (11), uma operação com o objetivo de desarticular uma organização criminosa de Santa Maria, Região Central do Rio Grande do Sul. Segundo as autoridades, o grupo atua com o tráfico de drogas, além de praticar outros crimes, como roubo, furto e corrupção de menores. Até as 9h40, 43 pessoas haviam sido presas.

Estão sendo cumpridos 48 mandados de prisão temporária, 28 mandados de busca e apreensão e 11 bloqueios de contas bancárias nas cidades de Santa Maria, Mata e Dilermando de Aguiar.

"Nós estamos desarticulando um braço de uma organização criminosa que atuava na distribuição do trafico de drogas em Santa Maria.[...] Intencionamos dar um baque, quebrar a estrutura dessa organização que vem causando, não só a prática do tráfico, mas também furtos, roubos e homicídios que aconteceram vinculados a esse grupo criminoso", destaca o delegado regional Sandro Meinerz.

Segundo a polícia, foram seis meses de investigação. A organização teria ligação com uma facção do Vale do Sinos, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

A ação desta sexta é realizada com o objetivo de prender os principais chefes do grupo criminoso, bem como comparsas e operadores financeiros. A polícia ainda pretende atingir o grupo financeiramente, com o bloqueio e sequestro de bens e valores.

"Foi preso o principal líder e a esposa dele, que era a operadora financeira, mas também transportadora de tráfico, e os principais articuladores dele. O que mais chamou a atenção durante a investigação foi essa divisão de tarefas, se trata realmente de uma organização criminosa, com hierarquia e subordinação", diz a delegada Alessandra Padula.

Durante o período de investigação, iniciada em dezembro de 2020, 10 pessoas foram presas por tráfico e associação pra o tráfico de drogas. Além disso, uma adolescente foi apreendida em flagrante três vezes por tráfico e posse ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Ainda neste período foram apreendidas 16 armas, mais de 500 munições de diversos calibres, drogas (maconha, cocaína e crack), um veículo e quase 10 mil reais em dinheiro. Também houve 20 representações de interceptação telefônica, oito quebras de sigilo telefônicos/dados telemáticos e quatro quebras de sigilo bancário.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.