RD Online
Decorações, Festas e Eventos Arco-Íris
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
Cervejaria da Praça
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
Casa Nova de Redentora
Estofaria e Vidraçaria Fanezzi
Ceducar Centro Educacional Carla Renati Andriguetto
ZÉ AUTOMÓVEIS
Cotricampo
RD ANÚNCIO G
UNOPAR VESTIBULAR
UNOPAR INFE
Auto Posto Gemelli
Lemarco
Banner Site
Anúncio Rádio RD Online
Via Tec telecom
ASM Oficina de Música
CENTER MÓVEIS REDENTORA
Mecânica e Auto Elétrica Pampa
Vital Seg Serviços de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional
Lancheria e Barbearia Stein
Jocelia Borges
C-TEC REDENTORA
Joalheria, Floricultura e Casa das Linhas Pereira
JP Celulares Redentora

Taxista de 74 anos é sequestrado e mantido por mais de sete horas em porta-malas de veículo

23/02/2021 08h53
Por: Depto de Jornalismo .
Fonte: Portal Peperi
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A ocorrência teve início em Itapiranga por volta das 15 horas do domingo, 21. Dois homens em um Voyage de Tenente Portela, abasteceram 200 reais de combustível em Itapiranga e deixaram o posto de combustíveis sem pagar a conta. No veículo, também estava uma mulher e duas crianças. A PM identificou que seria um táxi que seguia pela SC 163.

A polícia de Iporã do Oeste foi acionada e abordou o veículo. Um homem de 31 anos, com passagem pela polícia, contratou um taxista para uma corrida até o Mato Grosso. Ele seria responsável por pagar o combustível. Devido ao calote, o taxista, um homem de 49 anos, resolveu retornar. Foi registrado um boletim de ocorrência por estelionato e os envolvidos liberados por falta de representação da vítima.

Para seguir viagem, o homem de 31 anos procurou outro taxista, que foi sequestrado. Ele estava acompanhado por uma mulher e duas crianças. Por câmera de videomonitoramento, os policiais constataram que o táxi saiu de Iporã do Oeste em direção a Itapiranga.

Ao chegar no destino, o homem anunciou o assalto e o taxista foi colocado no porta-malas de seu carro. O fugitivo parou em Francisco Beltrão, no Paraná. Por volta da meia noite, o taxista conseguiu escapar do porta malas e fazer contato com a polícia e com os familiares. O homem que praticou os crimes é conhecido da polícia com registro de ocorrências por diversos delitos. No início deste mês, ele foi preso pela PM de Itapiranga por receptação em Tunápolis. Ele é natural de Novo Hamburgo e o endereço atual é na linha São Ludgero, interior de Itapiranga.

Entenda como o taxista sequestrado conseguiu fugir:

Para o taxista Romildo Goergem, 74 anos, 48 anos de profissão, foram momentos de desespero que, com experiência e sabendo do perigo, relata ter feito o melhor para sair vivo da ocorrência.

Ele explica que por volta das 16h00 deste domingo, 21, recebeu uma ligação do centro da cidade para fazer uma corrida. Goergem não sabia da ocorrência envolvendo outro taxista minutos antes. Prontamente se deslocou até a rua indicada onde o casal, acompanhado de duas crianças, solicitou corrida para a região de São Miguel do Oeste.

O taxista que não realiza corridas à noite e nem muito longe da cidade, disse que não poderia ir porque iria tardar muito seu retorno. O casal então solicitou que eles os levassem até o interior de Itapiranga. Chegando a um determinado local no interior de Itapiranga, o homem pediu para o táxi parar que sua esposa e as crianças iriam desembarcar. O homem, por sua vez, pediu para o taxista ir adiante que iria encontrar amigos. Em determinado local, onde a estrada era mais estreita, o autor anunciou o assalto. Tomou a chave do taxista e o colocou dentro do porta-malas do veículo Fiat Uno. O taxista relata que foi orientado a não falar nada e assim ele fez. O autor seguiu com o carro e novamente carregou a mulher e as crianças.

O taxista de 74 anos viajou por mais de sete horas no bagageiro do veículo e conta que durante o percurso conseguiu abrir o porta-malas e acenar com a mão para pedir ajuda a outros motoristas, porém ninguém o ajudou. Em Francisco Beltrão PR, depois das 23h00 onde o autor parou o veículo e saiu, Romildo correu para pedir ajuda. Ele chegou a uma residência, onde acionaram a polícia. O veículo foi recuperado e o autor dos fatos não foi localizado. Bastante abalado, Romildo conta ainda que o autor também tomou todos seus documentos e certa quantia em dinheiro.

Seu Romildo agradece pela vida que foi salva e revela que por vezes o autor ameaçou atear fogo no carro com ele dentro caso ele gritasse pedindo ajuda. A esposa, familiares e amigos, estranhando a demora de Romildo para retornar à casa, foram até a polícia, que passou a fazer buscas para localizar o veículo e o taxista.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.