RD Online
C-TEC REDENTORA
JP Celulares Redentora
Gráfica Modelo
Cotricampo
Macali Brasil
CENTER MÓVEIS REDENTORA
Banner Site
Auto Posto Gemelli
Casa Nova de Redentora
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
Anúncio Rádio RD Online
Via Tec telecom
Locutor Márcio Schimidt
UNOPAR VESTIBULAR
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
Lemarco
Gordelícias
Auto Posto Gemelli
JBS S/A
Ellas Engenharia
Vital Seg Serviços de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional
Cervejaria da Praça
UNOPAR INFE

Suspeito de abusar de adolescente durante quatro anos é preso no RS. Mãe queria que a filha pedisse presentes e dinheiro em troca de sexo com o homem

Homem, de 61 anos, já havia sido indiciado por estupro e estupro de vulnerável em 2015, por crimes cometidos contra as primas da vítima. Ele não chegou a ser preso na época.

29/07/2020 14h37
Por: Depto de Jornalismo .
Fonte: G1 RS
Suspeito de abusos é preso em Viamão — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Suspeito de abusos é preso em Viamão — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem de 61 anos, suspeito de abusar de uma adolescente durante quatro anos, foi preso preventivamente em Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre, na manhã desta quarta-feira (29).

Segundo a delegada Jeiselaure Rocha de Souza, os abusos começaram quando a vítima era uma criança de 12 anos, e seguiram até os 16. Atualmente, a jovem tem 17. A adolescente disse que a última vez que ocorreu o abuso foi no final do ano passado.

Ainda de acordo com a delegada, o homem é um amigo da família da jovem. Ele é suspeito também de abusar das primas dela. Em 2015, ele chegou a ser indiciado por estupro e estupro de vulnerável por causa disso, mas não chegou a ser preso na época.

"Esses abusos contra as primas também ocorreram durante quatro anos. Um deles começou quando a prima dela tinha 10 anos de idade", afirma a delegada.

A prisão ocorreu no bairro Viamópolis. Um mandado de busca e apreensão também foi cumprido.

A adolescente faz tratamento psiquiátrico no Hospital Presidente Vargas. Ela relatou os abusos sofridos, e foi, então, encaminhada pelos profissionais da saúde para o registro de ocorrência policial.

A adolescente disse que, na época dos fatos, ela contou para a mãe sobre os abusos, mas a mãe não impediu o crime. Pelo contrário, ela estimulava a filha a continuar mantendo contato e pedindo presentes e dinheiro.

A vítima gravou um vídeo em que foi intimidada pelo suspeito. Ele repreende a adolescente por ter contado sobre os abusos para o namorado. A jovem também relatou que o homem tirava fotos e gravava vídeos íntimos dela, e mantinha o material no celular.

Durante o cumprimento dos mandados, foram apreendidos celulares, máquinas fotográficas e filmadoras, que serão encaminhados à perícia.

O pedido de prisão preventiva contra a mãe da vítima foi substituído por medidas cautelares, com o intuito de preservar a integridade física e psicológica da filha. A mãe está proibida de manter contato com a filha, e deverá comparecer, mensalmente, em juízo, para justificar as atividades e informar o endereço.

O homem foi encaminhado ao sistema prisional.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias