RD Online
Macali Brasil
Gordelícias
JBS S/A
Anúncio Rádio RD Online
PADARIA E CONFEITARIA DOCE SABOR
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
METALÚRGICA PORTELA
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA
Via Tec telecom
UNOPAR INFE
Banner Site
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA 2
CENTER MÓVEIS REDENTORA
Móveis Rústicos do Nego Claudio
Cotricampo
Nacional Gás Redentora
Cervejaria da Praça
Lemarco
Ellas Engenharia
UNOPAR VESTIBULAR
Casa Nova de Redentora
Gráfica Modelo
JP Celulares Redentora
Locutor Márcio Schimidt
RAFAEL WINQUES

Mãe confessa ter matado menino de 11 anos no norte do RS.

Rafael Mateus Winques estava sumido desde o dia 15 de maio

25/05/2020 19h05
Por: Depto de Jornalismo
Fonte: Gaúcha ZH
Rafael tinha apenas 11 anos - Foto:Arquivo Pessoal/Divulgação
Rafael tinha apenas 11 anos - Foto:Arquivo Pessoal/Divulgação

A chefe da Polícia Civil, delegada Nadine Anflor, confirmou na noite desta segunda-feira(25) que o corpo de Rafael Mateus winques, 11 anos, foi localizado em Planalto. Conforme a delegada, a mãe do menino confirmou que matou a criança. A mulher alegou que a morte teria sido ocasionada por medicação. No entanto, a versão será apurada pela polícia. 

O corpo de Rafael foi localizado em uma casa abandonada, nas proximidades de onde o menino residia. O cadáver estava enrolado em um lençol dentro de uma caixa.

Em comunicado nas redes sociais, o Conselho Tutelar do município também confirmou a localização do corpo e lamentou a morte da criança.

O desaparecimento

A mãe de Rafael relatou que na manhã de 15 de maio acordou e o filho não estava mais dentro de casa. Ela contou que a porta da frente estava aberta, com a chave pelo lado de dentro. Não foram identificados sinais de arrombamento da moradia. O caso foi comunicado ao Conselho Tutelar e à Polícia Civil. Desde então, buscas foram realizadas no município, inclusive com auxílio de cães farejadores. A residência da família fica perto de uma área de mato. 

*Aguarde mais informações

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias