RD Online
Macali Brasil
METALÚRGICA PORTELA
Móveis Rústicos do Nego Claudio
TELE ENTREGA DE GÁS E BEBIDAS DO JAIRO
Via Tec telecom
Gugui Confecções
Anúncio Rádio RD Online
UNOPAR INFE
UNOPAR VESTIBULAR
JP Celulares Redentora
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
CENTER MÓVEIS REDENTORA
Raynet Telecomunicações
Gráfica Modelo
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA 2
Banner Site
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
PADARIA E CONFEITARIA DOCE SABOR
Cervejaria da Praça
Nacional Gás Redentora
GAUCHÃO 2020

Com gol de Diego Souza, Grêmio faz 5 a 0 no Esportivo e se garante nas semifinais do Gauchão

Além do estreante, Everton, Luciano, Paulo Miranda e Alisson marcaram na vitória do Tricolor, na Arena

04/02/2020 05h33
Por: Gilmar Machado
Fonte: Gaúcha ZH
Diego Souza (E) precisou de 11 minutos em campo para marcar seu primeiro gol no retorno ao Grêmio - Foto:Jefferson Botega / Agencia RBS
Diego Souza (E) precisou de 11 minutos em campo para marcar seu primeiro gol no retorno ao Grêmio - Foto:Jefferson Botega / Agencia RBS
O Grêmio está garantido na semifinal do primeiro turno do Gauchão. Na noite desta segunda-feira (3), o Tricolor goleou o Esportivo por 5 a 0 sem muita dificuldade e chegou à sua terceira vitória seguida no estadual. Everton, Luciano, Paulo Miranda, o estreante Diego Souza e Alisson marcaram os gols na Arena no jogo que teve também as estreias de Thiago Neves e Orejuela.

Classificado, o time de Renato Portaluppi irá para a última rodada em busca do primeiro lugar no Grupo B. Com nove pontos, o Tricolor está atrás do Caxias, que tem 10. No domingo (9), o Grêmio enfrentará o Aimoré, em São Leopoldo, enquanto o time grená vai encarar o Esportivo, em Bento Gonçalves.

Depois de repetir a escalação nas três primeiras rodadas, Renato fez duas mudanças na equipe para o jogo desta segunda-feira. Kannemann, com uma lesão no pé, deu lugar a Paulo Miranda na defesa. No meio-campo, Thaciano ocupou a vaga do garoto Patrick, que sequer ficou no banco. Do outro lado, o Tricolor tinha pela frente um adversário até então invicto. O Esportivo vinha de uma vitória eletrizante de 4 a 3 sobre o Aimoré, em Bento Gonçalves, e de empates fora de casa com Brasil-Pel e São José.

A invencibilidade do Esportivo começou a cair por terra cedo. Logo aos 5 minutos, Everton brilhou mais uma vez na Arena. O Cebolinha tocou de calcanhar para Thaciano, apareceu para receber na área e finalizou sem chances para o goleiro Renan: 1 a 0 em bela tabela do ataque gremista.

O gol deixou o Grêmio em uma situação confortável. O Tricolor usou da experiência e sua imensa superioridade técnica para controlar a partida sem necessitar de muito esforço. Do outro lado, o Esportivo pouco ameaçou o goleiro Vanderlei. O time da Serra até conseguiu levar a melhor pelo alto em três escanteios, mas nenhuma finalização chegou ao alvo.

Sobrando em campo, o Grêmio aumentou sua vantagem aos 37. Luciano aproveitou chute cruzado de Alisson e, livre, mostrou muita calma. O camisa 9 deu um toque por cima do braço de Renan, que saiu desesperado, e depois só empurrou para o gol vazio para fazer seu primeiro gol na temporada.

Com a vitória encaminhada no primeiro tempo, a expectativa para a etapa final estava nas estreias de Thiago Neves e Diego Souza. E o primeiro a entrar foi o atacante. Aos 19 minutos, Diego Souza entrou no lugar de Thaciano para iniciar sua segunda passagem como jogador do Grêmio. Aos 25 foi a vez de Thiago Neves ingressar na vaga de Luciano.

Entre as duas trocas, o Grêmio fez seu terceiro gol. E ele veio com um zagueiro. Paulo Miranda aproveitou falta bem batida por Alisson e cabeceou sem chances para Renan para transformar o placar em goleada.

O gol mais comemorado na Arena ainda estava por vir. Aos 30 minutos, Diego Souza, voltou a marcar com a camisa do Grêmio 13 anos depois de sua primeira passagem pelo clube. Como centroavante, ele aproveitou cruzamento de Cortez e testou para o fundo do gol para definir o placar em 4 a 0.

Ainda deu tempo de Alisson marcar o quinto gol e fechar o placar, após cobrança de falta de Lucas Silva. Final: 5 a 0 e o Tricolor assegurado nas semifinais do Gauchão.